Como escolher um frigorífico

Saiba como encontrar o frigorífico ideal para si.

 

O frigorífico é o eletrodoméstico mais importante da sua casa. À partida é o único equipamento que está ligado 24h sobre 24h durante 365 dias por ano e por isso é muito importante fazer uma escolha minuciosa do produto.

 

Combinado? Frigorifico Americano? Qual a melhor opção?

Para se definir a tipologia de frigorífico é necessário ter em conta o espaço que tem à sua disposição na cozinha, bem como se prefere com uma zona de congelação ou não e onde pretende que se localize. Tudo isto porque é um fator que irá condicionar o tipo de frigorífico a escolher.

Frigorífico Com Congelador: É o típico frigorífico tradicional onde pode encontrar o congelador na parte superior e a zona de refrigeração na zona inferior.

Frigorífico Sem Congelador: É constituído apenas pela zona de refrigeração.

Frigorífico Americano ou side by side: É constituído por duas zonas separadas, a de refrigeração e de congelação, que neste caso estão posicionadas lado a lado.

Combinado: É igualmente constituído por duas zonas separadas. A zona da refrigeração está localizada na parte superior e a zona da congelação na parte inferior.

 

WARNING!! Muita atenção com a eficiência energética.

Quando se compra um frigorífico o primeiro fator a ter em conta é a classe energética. Como o frigorífico está sujeito a um elevado número de horas em funcionamento, se não prestar atenção à sua eficiência energética, é provável que, no final do mês, a conta da eletricidade comece a pesar. Ao comprar um frigorífico com uma grande eficiência energética estará a otimizar a energia que o equipamento necessita para funcionar na sua totalidade, gastando o mínimo de eletricidade possível. Numa escala de A+++ a D, a eficiência energética é medida do mais eficiente (A+++) ou menos eficiente (D).

A nossa sugestão é sempre que siga para a compra de um equipamento A+++, apesar do preço.

 

 

Sistema de Frio:

A frequência com que acede ao frigorífico irá influenciar uma série de fatores que precisará ter em atenção. Desde a rapidez com que o frigorífico consegue recuperar a temperatura interior (após abertura da porta), à formação de gelo e até a frequência de descongelação. Para melhor controlar estes acontecimentos, existem 4 tipos de sistemas pelo qual terá que optar:

No Frost: Característico por não acumular gelo nos seus compartimentos e pela sua rápida recuperação da temperatura após a utilização do equipamento. Estes aspetos implicam um aumento do consumo energético.

Low Frost: Dispõe de uma maior humidade no interior o que beneficia de uma melhor preservação dos alimentos. Tem uma formação de gelo reduzida, tanto na zona da refrigeração como na zona de congelação, o que permitirá que não seja necessária a descongelação frequente do equipamento.

Ventilado: Neste sistema dispomos de uma grande circulação de ar, o que permite manter uma temperatura homogénea, tornando assim possível uma melhor conservação dos alimentos.

Estático: É caracterizado por acumular gelo com alguma facilidade e por ser um pouco mais lento a atingir as temperaturas definidas. O sistema estático, através de um gás, arrefece as paredes do equipamento e consequentemente do ar e dos alimentos.

 

Frigorífico para quantos!?

A escolha de um frigorífico tem que ser influenciada também pelo número de pessoas que irão usufruir dele. Por norma, a capacidade deste tipo de equipamentos é medida em Litros (L) e refere-se à quantidade que este consegue suportar. Este tipo de medida é referente à capacidade total e, por norma, para cada pessoa conta-se em média cerca de 40 a 60L.

É necessário ter em atenção a capacidade individual de cada área (refrigeração e congelação) pois tudo depende dos hábitos em sua casa. Se for uma família que não opte por usar muitos produtos congelados, a vantagem seria apostar numa zona de refrigeração maior. Também de aplica para pessoas que usem muitos congelados, nesse caso é de valor apostar num aparelho em que a zona de congelação seja grande.

O nosso conselho é:

  • Para famílias pequenas ou até casais, o ideal seria um equipamento até 250L;
  • Para famílias de 3 a 4 elementos é mais indicado um equipamento de 251 a 300L;
  • Para famílias de 4 a 6 elementos o ideal seria de 301 a 350L;
  • Para famílias entre 6 e 8 elementos, a melhor capacidade varia entre 351 e os 400L;
  • Para famílias superiores a 8 elementos, o indicado é um equipamento com capacidade superior a 400L (frigoríficos Americanos serão uma boa escolha).

 

Depois desta “formação técnica” já se sente preparado para escolher o seu frigorífico?

Conheça a nossa gama de produtos.

Para mais informação consulte-nos em: apoioaocliente@bizclick.pt